Qual o seu tipo de vinho?

“Lord, give me coffee to change the things i can change, and wine to accept the things i can’t” (flutuando pelo Facebook)

 Pratique Vinhoterapia

Restam poucas vagas para a 7ª turma de “Vinhoterapia”, organizada pela coluna no Espaço Gourmet: Curso interativo em 4 quintas feiras à noite,  sobre o “Fascinante Mundo do Vinho”. Grupo reduzido, ambiente aconchegante e descontraído, aulas teóricas e práticas, com degustação orientada de 8 rótulos de diversos países, acompanhados de pratos preparados especialmente para harmonização pelos Chefs Anisinho Rachid e Joanne Ribbas. Tipos de uvas e vinhos, como escolher, comparar, combinar, servir e degustar. Mais informações: 9987-9636 (Paulo Bocca), 9986-4200 (Lucrécia Donato)

curso de vinhos 5a turma

Qual o seu tipo de vinho?

Se você curte o vinho, mas não se sente seguro para responder prontamente esta pergunta, “dont worry”. O grande barato é justamente buscar o conhecimento para experimentar, comparar, apurar o gosto. Uma verdade: Quando a gente sabe porque gosta, gosta ainda mais. E outra, nada é definitivo. Como já disse Nietzsche, “A Vida Toda é uma Batalha entre Gosto e Degustação”.

Mas vamos a algumas dicas básicas, em relação à algumas  das uvas mais utilizadas, sejam como varietais (uma só uva) ou em corte, assemblage ou blend (mistura de uvas). Os conceitos a seguir dependem também dos processos de vinificação, armazenagem e idade do vinho, mas valem como referências.

Os mais leves e refrescantes, em geral sem madeira e para serem bebidos jovens, numa temperatura um pouco mais fria, em dias mais quentes e acompanhando comidas mais leves:

Uvas Brancas

  • Sauvignon Blanc, Chenin Blanc, Pinot Grigio, Riesling, Frascatti, Prosseco ou Glera, Torrontés

Uvas Tintas

  • Pinot Noir, Tempranillo, Gamay,

Os de médio corpo, às vezes com algum estágio em madeira, com textura um pouco mais densa e boa presença de fruta fresca, versáteis na harmonização com comida

Uvas Brancas

  • Viogner, Viura, Chardonnay, Semillon, Moscatel, Gewurztraminer, Alvarinho

 Uvas Tintas

  • Merlot, Carmenere, Cabernet Franc, PInotage, Barbera, Zinfandel ou Primitivo

Os mais encorpados e potentes, maduros e alcoólicos , muitas vezes com maior estágio em madeira, bons para acompanhar pratos igualmente mais estruturados.

Uvas Tintas:

  • Sirah ou Shiraz, Touriga Nacional, Tannat, Cabernet Sauvignon, Malbec

 
20 minutos, um prato e seu vinho

De quando em vez, receitas rápidas, fáceis e práticas, modestamente criadas ou adaptadas por este escriba e aprovadas por convivas de senso crítico, além de mim mesmo. E uma dica de vinho para candidato a par perfeito.

Carret suíno com abacaxi confitado e pimenta biquinho

IMG_0009

Ingredientes para 2 pessoas

500 g de costelinha suína – 4 batatas pequenas – 2 colheres de sopa de abacaxi picado em cubinhos – 8 pimentas biquinho – 2 xícaras de couve picada bem fininha – 1 dente de alho fatiado – 1 colher de sopa de cebola roxa ralada – uma pitada de salsinha –  1 colher de sopa de mel – 1 colher de sopa de molho de soja – 1 colher de sopa de azeite – 1 colher de sopa de vinagre balsâmico – sal a gosto

Preparo

Tempere a costelinha com sal e pincele com uma mistura do mel com o molho de soja. Asse cerca de 15 minutos com papel alumínio e 5 minutos sem, até dourar. Enquanto isso, descasque e cozinhe as batatas em água. Salteie rapidamente a couve com sal e o alho, no azeite bem quente e ponha num papel toalha. Faça o molho: Misture com azeite em fogo baixo, a cebola, o abacaxi, a salsinha e o vinagre balsâmico, nesta ordem, por 5 minutos.

Montagem

Faça uma pequena coroa com os ossos separados da costela, ao lado as batatas, uma porção de couve e o molho, finalizando com as pimentas por cima.

Vinho: Marques de Marialva reserva 2007

IMG_0056

Um D.O.C (Denominação de Origem Controlada) da Bairrada, em Portugal, feito pela Adega Cooperativa de Cantanhede com a uva Baga, tradicional especialidade desta região. Foi Medalha de Prata no concurso Monde Selection 2011 em Bruxelas e Ouro na Prodexpo 2012 na Rússia. Merecidamente. Os aromas (que evoluem muito taça a taça) de baunilha com toques herbáceos fica ótimo com os aromas adocicados do prato. Temos a boa acidez da tinta Baga, que combina muito bem com a carne de porco e a pimenta biquinho. No final longo, o vinho lembra especiarias, com 12 meses de carvalho francês e americano. Equilibrado, elegante de corpo médio, muito bom para beber depois de 3 anos de garrafa. 14% de álcool, temperatura de serviço: 12 graus. Preço: em torno de 70 reais no Brasil, 6 euros em Portugal.

 

Sabor e Saber News

Vinhoterapia

Terminou na semana passada mais uma edição do Curso “O Fascinante Mundo do Vinho”, coordenado por mim no Espaço Gourmet da amiga Lucrécia Donato. Durante os 4 encontros, tivemos o auxílio luxuoso do Chef Anisinho Rachid preparando receitas orientadas para combinar perfeitamente com os vinhos servidos e a aprovação foi geral. Canapés de damasco, parma e brie com espumantes argentinos e champagne francês Montaudon. Brancos tranquilos do Novo e Velho Mundos, com uma torta cremosa de frango, queijos e palmito. Rosados de estilos diferentes acompanhando uma massa com molho de tomates frescos e frutos do mar. E finalmente iscas de filet e batatas gratinadas com 2 tintos de Bordeaux de bom pedigree. Um mais jovem com 4 anos e outro especialíssimo “La Terrase de L’ille Verte” safra 2000. Os convivas puderam assim comparar virtudes de vinhos do mesmo terroir, com idades e amadurecimentos diferentes, comprovando os efeitos do tempo em relação aos seus gostos pessoais. E é claro, além das degustações, o que fica claro, a cada turma, é o caráter sócio cultural dos encontros, onde falamos sobre a geografia, as biografias, a história e as estórias por trás dos vinhos de origens diversas. Tudo num clima de amizade e descontração em torno da mesa, aliás sempre muito bem montada por Madame Lucrécia e nossa querida Maria. Horas de nos esquecermos um pouco “das dores do mundo”, como dizia o poeta, e brindar ao sabor e ao saber. A próxima turma está sendo formada para início em 31 de Outubro, com número máximo de 14 vagas, para uma melhor inteiração durante as aulas. Inscrições: 9987-9636 (Paulo) e 9986-4200 (Lucrécia). Bem-vindos!

IMG_0038

Benvenuto a tutti

Bem-vindos também ao terceiro jantar promovido pela coluna, dando sequencia ao tour enogastronômico internacional. Depois de Portugal e Argentina. No dia 24 de Outubro é a vez de “Sabores de Itália”. No cardápio, bruschettas, massas e sobremesas típicas, acompanhadas de vinhos de diferentes regiões deste país que é parte genuína de nossa cultura culinária e está no DNA de tantas famílias brasileiras. E um tempero a mais: um show, no melhor formato posteggia das cantinas napolitanas, com o talentoso e carismático cantor italiano ‘Sergio Dinapoli’, sucesso nas últimas edições da famosa festa italiana de rua  em BH e nosso convidado especial. No repertório, além das inesquecíveis “Roberta”, “Champagne”, “Il Mondo” e outras do gênero, clássicos da nossa MPB em língua italiana, terminando a noite com uma animada “Funiculi Funiculá, para quem quiser se arriscar a bailar uma tarantella. Convites limitados (as dos jantares anteriores se esgotaram em 4 dias), através dos fones 3222-8420 (Gustavo), 9987-9636 (Paulo) e 8826-0078 (Lauro). Também na PRP:  Rua Espírito Santo, 868 e no Deck Beer.

IMG_1313

Louras na Serraria

Boa pedida para o feriado de 7 de setembro é conferir o Minas MixBeer – Festival de cervejas especiais na Serraria Souza Pinto, um dos espaços mais tradicionais de Belo Horizonte. Minas já é reconhecida internacionalmente como um interessante polo de fabricação de cervejas artesanais de vários estilos, que poderão se degustadas no delicioso evento,  que terá segundo os organizadores, cerca de 180 rótulos diferentes, distribuídos em 35 estandes ocupados por cervejarias, importadores, distribuidores, bares e restaurantes. Também shows musicais, palestras e um congresso de empreendedores do ramo cervejeiro no Brasil.

Onde: Serraria Souza Pinto – Endereço: av. Assis Chateaubriand 809, Floresta, Belo Horizonte

Data: 6 e 7/9 – Funcionamento: sexta das 15h à 1h; sábado das 12h à 1h – Ingressos: R$20 (inteira) e R$10 (meia)

Informações: (31) 2552-7770

mix beer