Mozart para embalar os vinhedos na Itália

vini_brunello_c2

Em Frassina, nas colinas da Toscana onde se fabrica os míticos vinhos Brunellos, o vinicultor Giancarlo Cignozzi, espalhou dezenas de caixas de som entre seus vinhedos tocando música clássica 24 horas por dia.

 A intuição veio de uma revelação: “_Foi depois de uma viagem à Amazônia, quando um pajé disse que a minha vida seria feita de vinho e música”

Puro devaneio? Parece que não, pois as uvas amadureceram mais rápido e mais sadias. O que chamou a atenção de pesquisadores da Universidade de Pisa e de Florença, como o Professor Stefano Mancuso, pesquisador da inteligência das plantas,  que explica que a vibração da música estimula a produção de polifenóis nas uvas, melhorando e o potencial saudável do vinho, já que estas substâncias são eficientes anti oxidantes.

Infelizmente não há exportação para o Brasil. Mas quem estiver de passagem pela Toscana, pode visitar a vinícola “Il Paradiso di Frassina”, totalmente orgânica,  e comprovar qual o gosto da experiência enomusical, provando um Brunello de Montalcino batizado de “Flauto Mágico”, em homenagem a Mozart, enquanto houve flautas e pianos inspiradores.

Informações no site: http://www.alparadisodifrassina.it